Benefícios

O WebComfort apresenta os seguintes benefícios, quando comparados com a abordagem tradicional de desenvolvimento e gestão manual e ad-hoc de aplicações Web:

  • Extensibilidade, modularidade e reutilização da plataforma. Para além das funcionalidades standard providenciadas na versão base da plataforma, outras podem ser incorporadas através de componentes aplicacionais desenvolvidos e geridos de forma modular e autónoma. Nomeadamente, através da definição de (1) novos módulos, (2) novos temas visuais, e (3) novos workflows. A criação, distribuição e eventual comercialização de módulos/temas-visuais/workflows, respectivamente por developer/designers/arquitectos ou por uma comunidade de utilizadores, é permitida e até encorajada, o que se traduz num número alargado de extensões disponíveis.
  • Separação entre conteúdo e apresentação. A alteração do aspecto visual da aplicação é fácil e repercute-se na forma como os conteúdos são apresentados. Pode-se alterar toda a apresentação de uma aplicação Web pela simples selecção de um novo tema visual. Complementarmente, pode-se especificar para uma página específica ou ainda um módulo particular, um tema visual distinto do seleccionado para a aplicação alvo. Acresce que o conteúdo pode ainda ser acedido por múltiplos dispositivos, e.g. interface Web, telemóveis, PDA.
  • Separação de tarefas e especializações. Atendendo à separação clara entre conteúdo e sua respectiva apresentação, identificam-se duas especializações que podem ser aprofundadas e desenvolvidas de forma independente. Por um lado, a tarefa do developer de conceber e desenvolver os módulos aplicacionais, exigindo conhecimentos de linguagens de programação. Por outro lado, a tarefa do designer de conceber e desenvolver temas visuais, exigindo conhecimentos de web designing.
  • Facilidade de gestão e publicação de conteúdos. Não é exigido ao utilizador um conhecimento especializado para a produção, edição e publicação de conteúdos. A gestão dos conteúdos é realizada remota e rapidamente através de um cliente Web genérico, salvaguardando as evidentes questões de controlo de acessos.
  • Gestão concorrente de conteúdos. É permitida a gestão de conteúdos simultaneamente por diferentes utilizadores, os quais podem aceder ao sistema remotamente a partir de diferentes locais geográficos e através de distintos terminais de acesso.
  • Gestão integrada de conteúdos multilíngua. São providenciados mecanismos de gestão de conteúdos multilíngua, de forma integrada, i.e., sem que seja necessário desenvolver e implementar outras aplicações de forma adicional. Não existe qualquer restrição ao número de línguas suportadas.
  • Facilidade e baixo custo de operação e manutenção, quer ao nível do conteúdo quer ao da apresentação. A operação da aplicação Web encontra-se delegada em vários utilizadores que, de forma controlada, contribuem com os seus conteúdos e informações. Não existe por conseguinte o estrangulamento da operação da aplicação num número reduzido de utilizadores.
  • Qualidade e consistência da experiência de utilização. Pelo facto do mecanismo de apresentação e navegação entre páginas e conteúdos ser controlado pela plataforma, a aplicação providencia um nível superior de qualidade e consistência de utilização, quando comparada com outras alternativas.
  • Minimização da duplicação e redundância da informação. Os mecanismos de referência e cópia de conteúdos a par dos mecanismos de gestão dinâmica das páginas, promovem a re-utilização de conteúdos, evitando que os mesmos sejam registados e mantidos de forma duplicada.
  • Gestão de utilizadores e controlo de acessos. A gestão de utilizadores em conjunto com a gestão de papéis e de permissões providenciam um mecanismo flexível e genérico de controlo de acessos que se adapta facilmente a diferentes requisitos organizacionais e de negócio.