sem coragem para me tratar
Initial participation:
miguel
Sempre que entrava no HSM as noticias agravavamse e os retrovirais modificavam o meu corpo, pernas finas bracos esguios barriga inchada so me faltava a corcunda eu ja pesei 103k nao a muito tempo atraz, meu Deus a diferença da pessoa que isto tudo me tornou, deixei tudo larguei tudo vivo sem medicaçao, nunca estou doente nao me sinto doente trbalho 12h por dia mas sei que sou uma bomba relogio nao sei viver com a realidade desta doença e passaram-se quase 10 anos. Vou perder vou fazer perder estou-me a perder e tou sozinho em segredo sozinho só eu no silencio deste segredo.

Participation sent on 2007-08-07 00:00:00



Answers to this participation:
jorge


olá! vou hoje começar o tratamento contra a hepatite C, estou com receio, nao sei o que vou encontrar, estou com medo dos efeitos secundarios, tenho medo de nao ser capaz de fazer o tratamento, nestes dias que antecederam ao dia de hoje teem sido de muito medo, vou tentar mas nao sei se vou ser capaz.

Reply sent on 2010-02-26 00:00:18
Pedro


Sei que esta resposta é capaz de ser mal encarada pelo que vou dizer, mas se sente realmente insatisfeito com a sua vida então pare de se tratar.

Queixar-se sobre isso para atrair a atenção dos outros não acrescenta nem tira em nada aquilo que ja sabe: se parar o tratamento eventualmente adoece e muito certamente morre. O que é que vai querer?

Claro que sabe que apesar da medicação actual não ser tão devastadora há sempre espaço para aqueles efeitos secundários mais nefastos como a lipodistrofia, os quais, por vezes, podem também ser condicionados por factores genéticos que escapam à composição da medicação que toma.

Se agora decide viver ou morrer é consigo. No fundo talvez saiba disso e não precisa de vir aqui chorar sobre isso. Não tem mais problemas que os restantes têm.

Reply sent on 2009-11-05 00:00:17
ana gomes


ola,eu nao sou positiva mas o meu irmao é ha 10 anos e nunca se kis tratar sempre recusou kualker tipo de tratamento,hj ta arrependido pq ta mto em baixo e tenho a certeza q se pudesse voltaria atras,força nao percas a esperança e vai fazer o tratamento,podes viver a vida tda sem problemas,eu luto tdos os dias com o meu irmao para ele se tratar.força e luta MAS LUTA A SERIO!vale a pena viver

Reply sent on 2008-07-16 00:00:15
Marco L


FORÇA Miguel Jesus,em sempre poe a prova os outros, apenas os eleitos.
não desistas, e se preciares de apoio ca estarei m abraço

Reply sent on 2008-06-27 00:00:14
Sao


Miguel, nao deixe a vida passar entre seus dedos, segure-a com força,. É muito bom esta sua força, entao volte a fazer o tratamento, lute!!!

Reply sent on 2008-05-30 00:00:13
Carlos


Em frente, Miguel. Nós somos um todo - físico e psiquico. E se sofremos as mazelas próprias de uma infeccção, as consequências psíquicas tornam-se maiores. Não te deixes abater. Como eu gostaria de estar ao lado de tanta gente que sofre (infectado, como eu, mas sem esperança). Luta, agarra a vida com coragem. Desanimar é o pior. Gostaria de estar aqui para te apoiar. E sentir-me apoiado por tanto que trilham as mesmas curvas dda vida como eu. Caminha sem te deixares abater. Abraço. Carlos

Reply sent on 2008-04-24 00:00:12
Tiago


Aguentar essa carga sozinho este tempo todo, trabalhar 12 horas por dia, só pode ser de alguém com muito força. Não a deixes fugir, faz o tratamento , pois acredito que tens muitos mais anos pela frente.
Estou a torcer por ti.
Coragem

Tiago

Reply sent on 2008-04-02 00:00:11
David


Ha 10 anos sem medicação e sempre com saúde... será mesmo boa opção reiniciar a medicação? Ha quem diga que é um erro. Eu ponderaria...

Reply sent on 2008-03-29 00:00:10
antonio


dont give up be strong

Reply sent on 2007-09-20 00:00:09
pedro


ola miguel nota-se pelo que escreves que ja passaste por muito... o pouco que escreveste ja da para ver que es mto forte,so para dizer-te para ires aos medicos pois a medicina esta muito avançada e existem opçoes terapeuticas que nao fazem engordar mas sim viver...

Reply sent on 2007-08-27 00:00:06
sem coragem para me tratar


Miguel,

´Penso que é melhor recomeçar o seu tratamento. Eu sei que a ciencia por vezes nao resolve de imediato, o que desejamos ou seja a CURA. Mas acredito que irá resolver o seu dia a dia, que os seus valores irão ficar controlados e assim a doença estacionária. Va a HSM eu também ando a ser seguida. Psiclogicamente, poderá receber apoio. Amigos tem aqui.
Sónia

Reply sent on 2007-08-27 00:00:05
luis baptista


Olá Miguel! o seu relato é muito parecido com o meu, escondí que tinha esta doença por muitos anos, sozinho, no silêncio e fingia que os resultados estavam errados e simplesmente ignorei, e sabe o que me aconteceu há um mês atrás? fui infectado por uma tuberculose e o meu médico pediu análise do hiv e é claro, o resultado foi o mesmo de uns anos atrás. Eu poderia muito não ter passado por esta terrível experiência, mas tb quando o médico me deu a notícia, não tive qualquer apoio psicológico e só pensava em me matar.
Portanto não faças isso, vá ao médico, não faças como eu.

Reply sent on 2007-08-23 00:00:03
sem coragem para me tratar


olá Miguel,
Todas as palavras de encoragamento sao poucas. Não perca o norte, vá ao hospital, fale com os tecnicos, faça o tratamento, uma infeçao pode surgir e assim o pior. Também sou seropositiva e tenho a certeza que a vida, vai-se arranjar e ainda serei feliz. Força e empenho.
Continue a lutar, nada se perdeu
Nuria

Reply sent on 2007-08-12 00:00:02
Sala - Alentejo


Caro Miguel
Deve voltar ao hospital e recomeçar a medicação e força se necessário peça ajuda a um técnico de saúde.
Pense que a vida é muito bonita para se viver e ainda é cedo para cruzar os braços
Um abraço

Reply sent on 2007-08-07 00:00:08
Dr. Victor Bezerra


Caro Miguel:
As alterações que sentiu são um grande ou enorme problema que afectava e de que maneira muitas pessoas que tinham necessidade de se tratar. Há dez anos as alternativas de tratamento não eram muitas...mas fizeram em si algo de bom...que foi ter alguma Saúde...apesar das terríveis consequências.
Hoje já há outro tipo de tratamentos.
Siga o meu conselho e volte ao HSM. Fale com o seu Médico que saberá dar-lhe um novo tratamento e peça apoio psicológico...assim vai, de certeza, poder continuar a trabalhar 12 horas por dia...sem qualquer \"bomba relógio\" por perto. Um ABRAÇO

Reply sent on 2007-08-07 00:00:07